Washington, 6 jun (EFE).- O capitão Chesley Sullenberger, o piloto que se transformou em um herói após conseguir realizar com sucesso um pouso forçado no rio Hudson, em Nova York, recebeu hoje uma homenagem em Denison (Texas), sua localidade natal.

Sullenberger voltou à pequena localidade texana para participar dos atos pelos 65 anos do desembarque na Normandia.

O capitão, de 57 anos, foi aplaudido na chegada e assistiu com a esposa a um desfile organizado em sua honra.

Os Estados Unidos celebram atos e cerimônias por todo o país em homenagem aos mortos no desembarque aliado na Normandia, conhecido como Dia D, que marcou o início do fim da Segunda Guerra Mundial.

Justamente nesta localidade nasceu o general Dwight D.

Eisenhower, comandante supremo das tropas aliadas, que depois se transformou em presidente do país.

O piloto se transformou em "herói" nacional em 15 de janeiro, quando, graças a sua perícia, conseguiu realizar um pouso sobre o rio Hudson e salvou a vida de todos os passageiros e tripulantes de um Airbus A320 da US Airways. EFE elv/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.