Nova Délhi, 10 set (EFE).- Um piloto da Força Aérea da Índia morreu hoje na queda de um caça Mig-21, pouco após decolar de uma base aérea do estado do Punjab, informou uma fonte oficial.

O caça, de fabricação soviética, perdeu propulsão após decolar da base de Bathinda, mas o piloto não conseguiu ejetar a tempo, segundo a fonte, citada pela agência de notícias "Ians".

Este é o sétimo acidente nas Forças Aéreas da Índia durante este ano, muitos deles em voos de treinamento.

A Índia deve modernizar a frota de sua Força Aérea e adquirir 126 novos aviões de combate, um negócio de US$ 10 bilhões pelo qual competem americanos, russos e europeus. EFE amp/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.