Piloto abandona cabine para salvar a vida de paraquedista

Um piloto britânico recebeu uma alta condecoração de heroísmo depois de ter salvado a vida de um paraquedista pendurado em seu avião. Gareth Greyling havia levado uma equipe de paraquedistas para saltar, durante um campeonato na Alemanha, no ano passado, quando um deles acabou preso pelo pé em uma corda, com o corpo para fora do avião.

BBC Brasil |

O piloto foi avisado da emergência por controladores de voo quando estava prestes a pousar.

Ele então retornou a 7,5 mil pés de altitude, deixou a aeronave em piloto automático, foi até o paraquedista e o soltou.

Em seguida, voltou ao comando do avião e pousou sem problemas. O paraquedista aterrissou normalmente.

Por recomendação do paraquedista, o major Jeremy Denning, o piloto Greyling ganhou uma medalha de bronze da Royal Humane Society, que premia pessoas que arriscam suas vidas para salvar outras.

"Como ele pilotava um avião leve, o risco de a aeronave perder sua posição por causa do peso dos dois homens era muito grande. O avião podia mergulhar mais rápido do que eles", explicou Dick Wilkinson, da Royal Humane Society, à BBC Brasil.

Leia mais sobre avião

    Leia tudo sobre: avião

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG