Piedad Córdoba entregará provas de vida de reféns das Farc

Bogotá, 17 ago (EFE).- A senadora opositora colombiana Piedad Córdoba entregará hoje provas de vida enviadas pelas Forças Armadas Revolucionárias (Farc) de vários reféns em poder dessa guerrilha, mas não revelou quantas são nem a que sequestrados correspondem.

EFE |

Uma fonte do grupo Colombianos pela Paz, liderado pela senadora, confirmou hoje à Agência Efe que as provas serão entregues em Bogotá aos parentes dos sequestrados.

A legisladora disse no fim de semana aos jornalistas que o material oferecido pelas Farc já está na capital colombiana e que, além das provas que serão entregues hoje, é possível que venham mais algumas nos próximos dias.

Além de outras pessoas, as Farc mantêm retidos 23 militares e policiais - o Governo conta com o número de 24 -, que pretendem trocar por guerrilheiros presos na Colômbia e nos Estados Unidos.

Além disso, os rebeldes expressaram sua disposição de libertar dois militares, um deles sequestrado há quase 12 anos, e entregar o cadáver de um capitão da Polícia que morreu quando estava retido.

O presidente colombiano, Álvaro Uribe, autorizou em 8 de julho que a senadora participasse das libertações, mas com a condição de que as Farc entreguem os 24 policiais e militares que têm em seu poder, assim como os corpos de três homens que morreram em cativeiro.

A senadora pediu para ter uma reunião com Uribe para definir como proceder para que essas libertações anunciadas se concretizem, mas esse encontro ainda não ocorreu. EFE mb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG