Paris, 13 ago (EFE).- O Produto Interno Bruto (PIB) francês cresceu 0,3% no segundo trimestre do ano, o que rompe quatro períodos consecutivos de queda, informou hoje a ministra da Economia, Christine Lagarde.

Trata-se de um número inesperado, segundo Lagarde, sustentado no melhor comportamento que o previsto no consumo interno e nas exportações.

"O consumo dos franceses se mantém e cresce 0,3% contra 0,2% anterior. O segundo motor importante, que também representou uma autêntica mudança, foi a contribuição das exportações", assinalou Lagarde à emissora "RTL".

O Instituto Nacional de Estatística (Insee) confirmou os dados antecipados pela ministra e disse, em comunicado, que no conjunto do ano o resultado do PIB foi de 2,4% negativo.

O Insee atribuiu à melhora das exportações o crescimento econômico no segundo trimestre, quando as vendas ao exterior aumentaram 1% frente à queda de 7,1% registrada nos três meses anteriores.

A alta do PIB não tinha sido antecipada pelo Insee em estimativas, em que previa uma retração da economia de 0,6% no segundo trimestre.

Por outro lado, o Insee revisou para baixo os dados do primeiro trimestre do ano, quando situou a queda do PIB em 1,3%, um ponto pior que o anunciado inicialmente. EFE lmpg/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.