PF usará base de dados da Interpol contra o crime organizado

Rio de Janeiro, 10 set (EFE).- A Polícia Federal (PF) assinou um convênio com a Interpol para usar sua base de dados no combate ao crime organizado internacional, informaram fontes da própria instituição.

EFE |

Graças a este programa, batizado como "Fim da Linha", haverá a implantação do sistema de segurança I-24/7 da Interpol em todos os postos policiais existentes em aeroportos, portos e postos fronteiriços do Brasil, para identificar rapidamente possíveis fugitivos.

Também será criada uma lista com criminosos sexuais e um mapa com todas as organizações criminosas que operam no Brasil, que servirão para complementar este sistema de vigilância.

Segundo a direção da Polícia Federal, 70% das metas deste projeto já estão em execução.

O programa será acompanhado por uma campanha publicitária composta por cartazes com histórias em quadrinhos, nos quais se diz que o Brasil já não é um "paraíso" para o turismo sexual. EFE mp/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG