PF prende presidente da Unidos de Vila Isabel

Rio de Janeiro, 13 abr (EFE).- O presidente da Escola de Samba Unidos de Vila Isabel, Wilson Vieira Alves, foi detido hoje pela Polícia Federal (PF) em uma operação contra a chamada máfia dos caça-níqueis, informaram fontes oficiais.

EFE |

Segundo comunicado da PF, outras 18 pessoas também foram presas.

Alves é o principal suspeito de comandar o grupo, que atua em Niterói, região metropolitana do Rio de Janeiro.

Entre as pessoas detidas também está um assessor do presidente da escola de samba, dois diretores do grêmio recreativo, seis policiais militares e um investigador da Polícia Civil.

A PF informou que durante a operação em Niterói foram apreendidos cerca de R$ 390 mil em dinheiro, grande parte encontrada na residência do presidente da Vila Isabel.

Segundo o superintendente da Polícia Federal no Rio, Ângelo Gioia, a organização criminosa começou a ser investigada há dois anos e entre seus integrantes foi identificado um major da Polícia Militar que foi chefe dos serviços de inteligência da instituição em São Gonçalo (RJ). EFE cm/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG