Peter Gabriel será embaixador da Consciência da Anistia Internacional

Londres, 3 set (EFE) - O cantor britânico Peter Gabriel será nomeado embaixador da Consciência da Anistia Internacional, título já ostentado pelo ex-presidente sul-africano Nelson Mandela, pelo grupo U2 e por Mary Robinson, ex-alta comissária da ONU para os Direitos Humanos, informaram hoje os organizadores destes prêmios.

EFE |

Gabriel receberá o título, que reconhece a liderança individual excepcional na luta para proteger e promover os direitos humanos, na próxima quarta-feira em Londres das mãos de The Edge, integrante do U2.

O músico, um destacado defensor dos direitos humanos, colaborou com a organização internacional em diversas campanhas, como a turnê "Direitos Humanos Agora", em 1988.

Bill Shipsey, fundador do Art for Amnesty, que organiza estes prêmios anuais, destacou em comunicado divulgado hoje em Londres que Gabriel "esteve na vanguarda da luta pelos direitos humanos e pela justiça no mundo durante quase um quarto de século e inspirou muitos outros a se unir a essa luta".

"É um embaixador no verdadeiro sentido do termo", acrescentou.

EFE ep/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG