PESQUISA-Obama ganha de McCain entre eleitores latinos

PHOENIX (Reuters) - Na reta final para as eleições presidenciais dos Estados Unidos, mais de três quartos dos eleitores hispânicos disseram que apoiariam o candidato democrata Barack Obama contra o republicano John McCain, informou um estudo. A pesquisa Univision/Reuters/Zogby divulgada nesta terça-feira mostrou que 78 por cento dos eleitores latinos votariam no senador Obama, contra 13 por cento que escolheriam o senador pelo Arizona, John McCain.

Reuters |

Segundo a pesquisa, conduzida entre 30 de outubro e 2 de novembro, 54 por cento dos entrevistados disseram que a economia e o mercado de trabalho são as questões mais importantes na hora de decidir em quem votar, seguido por saúde e imigração, com 12 por cento e 11 por cento respectivamente.

Hispânicos representam 15 por cento da população norte-americana e 9 por cento do eleitorado, e pode ser um ponto crucial para a batalha nos estados do sudeste do país assim como a Flórida nesta terça-feira. A pesquisa ouviu 1.016 latinos.

Em 2004, o presidente George W. Bush venceu com cerca de 40 por cento do voto dos latinos --recorde para um republicano--, quando bateu o democrata John Kerry. No entanto, as pesquisas de opinião mostram que a reputação dos republicanos entre os hispânicos tem sido manchada em meio a um constante debate sobre reforma na imigração e a piora da economia.

No último mês, a Zogby International apontou que 70 por cento dos eleitores hispânicos votariam a favor de Obama, ante 21 por cento a favor de McCain.

(Reportagem de Tim Gaynor)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG