Pesquisa revela que 43% dos argentinos temem perder seu emprego em 2009

Mais de 43% dos trabalhadores argentinos temem perder seu emprego em 2009 em consequência da crise econômica internacional, segundo o resultado de uma pesquisa divulgada neste sábado.

AFP |

A sondagem realizada pela consultora TMS Gallup Argentina mostra que as incertezas sobre a estabilidade no trabalho cresce entre os setores mais pobres da população.

Enquanto, nas classes mais pobres, 44% sentem seu emprego ameaçado, essa porcentagem diminui para 31% na classe média e para 14% no extrato de maior poder aquisitivo.

De modo geral, no entanto, os argentinos estão otimistas, já que 57% se declara certo da manutenção do emprego em 2009, apesar do abalo da crise econômica internacional.

A pesquisa foi realizada em novembro de 2008 entre 1.000 pessoas de várias classes sociais e cidades argentinas.

sa/nh/ap/

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG