Washington, 15 jun (EFE).- Os conservadores se transformaram no maior grupo ideológico dos Estados Unidos, após registrar um aumento no ano passado, depois da eleição do presidente Barack Obama, considerado um liberal.

Segundo uma pesquisa do instituto Gallup divulgada hoje, 40% dos americanos se classificam como conservadores, 35% como moderados e 21% como liberais.

Nos Estados Unidos, são consideradas "liberais" as pessoas de tendência progressista com certas ideias de esquerda.

Até 2008, os conservadores representavam 37% da população, os liberais 22%, e os moderados 37%.

Em sua página na internet, o Gallup indicou que os números se baseiam em diferentes pesquisas realizadas anualmente e que incluem a mais de 40 mil americanos.

Os dados correspondentes a 2009 partem de diferentes pesquisas efetuadas entre janeiro e maio.

Ao estudar a tendência ideológica dentro dos dois principais partidos políticos do país, a enquete indicou que 73% dos republicanos se identificaram como conservadores.

O Gallup assinalou que entre os democratas foi registrada uma mistura de tendências ideológicas, com 40% de moderados e 38% de liberais, além de 22% conservadores.

Em termos gerais, a pesquisa do Gallup determinou que 36% dos americanos se consideram democratas, 28% republicanos e 37% independentes. EFE ojl/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.