Pesquisa global aponta melhoria da imagem dos EUA no mundo

Uma pesquisa encomendada pelo Serviço Mundial da BBC indica que a imagem dos Estados Unidos nos outros países do mundo melhorou e que a do Irã piorou. Foram 997 entrevistados em 28 países.

BBC Brasil |

Essa foi a primeira vez desde que a BBC começou a monitorar a percepção da imagem de determinados países, em 2005, que a imagem dos Estados Unidos no mundo é considerada, em média, mais como positiva do que negativa.

Na pesquisa, os entrevistados foram perguntados como avaliam a influência de 17 países do mundo, entre eles o Brasil.

Os resultados revelaram que os Estados Unidos são vistos de modo positivo em 20 dos 28 países pesquisados, com média de 46% dos entrevistados afirmando que veem o país mais como uma influência positiva no mundo, contra 34% dos que o veem mais como influência negativa.

Em comparação com o ano anterior, a visão positiva melhorou quatro pontos percentuais. Já a "rejeição" à influência americana caiu nove pontos percentuais.

Apesar de não ser o país visto mais favoravelmente pelos entrevistados, os Estados Unidos ultrapassaram a China, cuja influência é classificada como positiva em 15 países e por 41% dos entrevistados, em média.

A imagem do Brasil é vista como positiva por 41% dos entrevistados .

Efeito Obama

Segundo o presidente da GlobeScan, Doug Miller, "as pessoas ao redor do mundo hoje veem os Estados Unidos de maneira mais positiva do que em qualquer período desde a segunda guerra do Iraque. Enquanto sua imagem positiva ainda é menor do que a da Alemanha ou da Grã-Bretanha, a visão positiva do país certamente está subindo de novo".

"Depois de um ano, o 'Efeito Obama' parece ser real", disse Steve Kull, diretor da PIPA. "Sua influência sobre a visão das pessoas no mundo, no entanto, é mais de amenizar os aspectos negativos da imagem dos Estados Unidos, enquanto que os aspectos positivos ainda não receberam forte atenção".

A Alemanha permanece como o país com imagem mais favorável entre os outros (sua influência é considerada positiva por 59% dos entrevistados, em média), seguida pelo Japão (53%), Reino Unido (52%), Canadá (51%) e França (49%).

Em contraste, o Irã é o país cuja imagem é vista como menos positiva entre os entrevistados (apenas 15%), seguido pelo Paquistão (16%), Coreia do Norte (17%), Israel (19%) e Rússia (30%).

A imagem do Irã é vista como negativa pelos entrevistados de quase todos os países, com exceção do México e Paquistão. Em média, 56% dos entrevistados consideram sua influência negativa.

A imagem positiva do país caiu quatro pontos percentuais em relação ao ano passado. Em meio às negociações sobre novas sanções contra o Irã no Conselho de Segurança da ONU, a imagem negativa do país aumentou na Rússia (de 32% no ano passado, para 45%) e a visão positiva diminuiu na China (de 41%, no ano passado, para 30%).

Leia mais sobre Estados Unidos

    Leia tudo sobre: estados unidos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG