Pesquisa aponta empate de Obama e McCain em Flórida e Ohio

Washington, 31 jul (EFE) - O candidato presidencial democrata, Barack Obama, e seu rival republicano, John McCain, estão tecnicamente empatados nas intenções de voto na Flórida e em Ohio, enquanto o primeiro tem vantagem na Pensilvânia, segundo uma nova pesquisa feita nesses três estados-chave. A pesquisa, divulgada hoje pela Universidade Quinnipiac, mostra que a vantagem de Obama nesses estados diminuiu, apesar da grande atenção midiática da viagem do senador pelo Oriente Médio e pela Europa na semana passada. A viagem de Obama não ajudou-o em Flórida, Ohio e Pensilvânia, afirma a pesquisa, que lembra que, desde 1960, ninguém conseguiu se tornar presidente dos Estados Unidos sem ganhar em dois desses três estados. A pesquisa mostra que Obama tem 46% do apoio popular na Flórida, contra 44% de McCain, comparado com 47% a 43% que tinham, respectivamente, em 18 de junho. Em Ohio, a vantagem do democrata também é de 46% a 44%, comparado com os 48% a 42% da pesquisa de junho. Já na Pensilvânia, o candidato democrata está à frente, com 49% das intenções de voto, contra 42% de McCain. A vantagem em junho no estado era de 52% contra 40%.

EFE |

As pesquisas da Universidade Quinnipiac foram realizadas entre 23 e 29 de julho.

O centro entrevistou 1.248 prováveis eleitores na Flórida, onde a margem de erro é de 2,8 pontos percentuais.

Em Ohio, participaram 1.229 pessoas e a margem de erro também foi de 2,8 pontos.

Na Pensilvânia, a organização consultou 1.317 possíveis eleitores. A margem de erro nesse estado foi de 2,7 pontos.

A pesquisa múltipla revela ainda que os eleitores em cada um desses estados apóiam por margens de entre 10 e 20 pontos percentuais o plano de McCain para manter as tropas no Iraque sem uma data fixa para a retirada.

Obama é favorável a um calendário para a saída das tropas americanas do país. EFE tb/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG