Peru retoma voos para o México, mas pede cautela com gripe

Lima, 13 mai (EFE).- O Governo peruano decidiu hoje reabrir os aeroportos aos voos com partida e destino ao México, suspensos desde 29 de abril pelo surto da gripe suína, informou hoje o ministro da Saúde, Oscar Ugarte.

EFE |

"É indispensável manter o controle migratório, mas devido à situação de evolução favorável no México, decidimos deixar sem efeito a restrição dos voos entre esse país e o Peru", anunciou Ugarte após participar de uma sessão do Conselho de Ministros, realizada hoje em Lima.

O ministro pediu à população peruana para não baixar a guarda e reforçar as medidas que evitem o contágio de qualquer tipo de gripe, tanto "do novo vírus que poderia vir de fora, como da própria gripe viral comum neste período".

Além disso, destacou que o Estado peruano já conta com um estoque de 106 mil doses de tratamento antiviral, "suficiente para cobrir a ameaça potencial".

A decisão de Peru, Equador, Argentina e Cuba de suspender os voos para evitar a propagação da gripe criou mal-estar no México, cujo Governo qualificou as medidas de discriminatórias.

Apesar do nome, a doença não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE fcg/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG