Peru repudia ações contra embaixada do Brasil em Honduras

O regime de fato deve cessar as ações contra a embaixada do Brasil em Honduras, onde se refugia o presidente deposto Manuel Zelaya, e comprometer-se com um diálogo para resolver a crise, afirmou na ONU o chanceler do Peru, José García Belaúnde.

AFP |

"As diferentes medidas adotadas contra a embaixada do Brasil neste país merecem nosso repúdio, e devem cessar imediatamente", destacou García Belaúnde, que representou país na Assembleia Geral da ONU.

"Pedimos um diálogo que conduza ao restabelecimento do sistema democrático neste país", disse o chanceler peruano.

du/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG