Peru oferece cão sem pelo dos incas à família de Obama

LIMA - Uma raça de cães pelados e quase sempre banguelas, mas que é motivo de orgulho no Peru por causa de sua popularidade entre os reis incas, pode ir parar na Casa Branca, onde a futura família moradora procura um novo mascote.

Reuters |

O presidente-eleito dos EUA, Barack Obama, prometeu um cachorro para as filhas Malia, 10 anos, e Sasha, 7, levarem para a Casa Branca. Mas Obama disse na sexta-feira que o animal escolhido precisa ser de uma raça que não provoque alergia em sua filha Malia, que é especialmente sensível a isso.

Donos do cão pelado peruano, uma raça retratada há 3 mil anos em cerâmicas pré-hispânicas, dizem que ele é perfeito para crianças sensíveis a outros cães.

"Eles não causam nenhum tipo de alergia e são muito amistosos e carinhosos", disse Claudia Galvez, 38 anos, diretora da Associação Amigos do Cão Pelado Peruano.

"Queremos dar um filhote macho às filhas de Obama, para que elas experimentem toda a alegria de ter um cachorro, mas sem alergia", disse ela, que na segunda-feira entregou à embaixada dos EUA em Lima uma carta com a oferta.

Os peruanos afirmam que o cão pelado tem uma temperatura corporal acima da média, o que compensa a falta de pêlos - o que por sua vez evita doenças como a asma e a bronquite alérgica.

Galvez já selecionou um filhote de 4 meses para ser eventualmente enviado à família Obama. Por enquanto, a chama de "Orelhas" (que são grandes e empinadas).

"Mas se o mandarmos para os Estados Unidos seu nome oficial será Machu Picchu", disse ela, referindo-se à antiga cidadela inca, maior atração turística do país.

    Leia tudo sobre: obama

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG