Peregrinos xiitas são mortos em Bagdá por explosão de uma bomba

Bagdá - A explosão de uma bomba no norte de Bagdá causou a morte de duas pessoas e feriu outras 11 que se dirigiam à cidade de Karbala, ao sul de Bagdá para participar de uma festividade xiita, informaram fontes policiais.

EFE |

As fontes explicaram que uma bomba explodiu no bairro Al Qahira durante a passagem de um grupo de peregrinos xiitas que viajavam para Karbala, a 110 quilômetros ao sul da capital, para participar da Arbainiya, festividade religiosa que lembra os 40 dias transcorridos depois da morte do imame Hussein.

Hussein, filho do quarto califa do islã, Ali Ibn Talib e neto do profeta Mohamad (Maomé), morreu no ano 684 na batalha de Tuff, contra as tropas do califa omíada Al Jazid.

Leia mais sobre: Iraque

    Leia tudo sobre: iraque

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG