A China cancelou a visita prevista para a próxima semana de uma delegação do ministério tcheco da Educação porque no prédio ministerial foi colocada uma bandeira tibetana, anunciou nesta sexta-feira o ministro tcheco Ondrej Liska (Verdes).

A delegação tinha previsto ir à capital chinesa para assinar convênios de cooperação e intercâmbio de estudantes.

Segundo um comunicado do ministério chinês, publicado pela embaixada da China em Praga, a colocação da bandeira tibetana significa de fato um apoio direto à independência do Tibete. "Não podemos aceitar isso e, por isso, cancelamos a visita", afirma o texto.

jma/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.