Um pequeno vazamento radioativo foi detectado em uma central nuclear do centro do Japão atingida na semana passada por um terremoto, anunciou nesta quinta-feira a companhia que explora a usina.

A Chubu Electric Power considerou que o ar expulso por um conduto de evacuação de um reator que atualmente está parado em sua central de Hamaoka (centro-sul) apresentava uma radioatividade "ligeiramente mais elevada que o normal".

No entanto, a companhia assegurou que o nível avaliado é muito inferior ao limite regulamentar e que não representa qualquer perigo para a saúde".

O terremoto, de magnitude 6,4, aconteceu em 11 de agosto no Oceano Pacífico, a 26,8 km de profundidade e 30 km das costas japonesas.

O Japão produz entre 25 e 30% de suas necessidades elétricas graças à energia nuclear e o arquipélago está localizado numa zona em que se unem quatro placa tectônicas, por isso sofre 20% dos terremos mais violentos do mundo.

oh/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.