O Pentágono retirou as acusações contra Mohammed al-Qahtani, acusado de ser o terrorista número 20 a participar nos atentados terroristas de 11 de setembro nos Estados Unidos.

Susan Crawford, encarregada do Pentágono no processo por crimes de guerra a cargo das comissões militares especiais, não explicou o motivo da retirada das acusações contra Mohammed al-Qahtani, anunciou o porta-voz do Pentágono, Jeffrey Gordon.

"Foram rejeitadas sem prejuízo, o que significa que podem voltar a ser apresentadas a qualquer momento", disse.

jm/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.