Pentágono anuncia envio de 3.100 soldados ao Afeganistão no meio do ano

Washington, 12 jan (EFE).- O Departamento de Defesa dos Estados Unidos anunciou hoje o envio de 3.

EFE |

100 soldados ao Afeganistão durante o próximo verão no hemisfério Norte (inverno no hemisfério Sul).

O contingente faz parte do envio de 30 mil militares adicionais ao Afeganistão anunciado pelo presidente americano, Barack Obama, no final do ano passado.

Os 3.100 militares "aumentarão a capacidade da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf, na sigla em inglês)", disse o Pentágono em comunicado.

Do total de soldados, 2.600 virão da quarta Brigada de Aviação da quarta Divisão de Infantaria da base de Fort Hood, no estado americano do Texas.

Foi nesta base que, em novembro passado, um tiroteio iniciado pelo comandante Nidal Hassan, psiquiatra do Exército, deixou 13 mortos e pelo menos 30 feridos.

Além disso, o secretário de Defesa americano, Robert Gates, anunciou o destacamento de quase 500 forças de apoio, que chegarão em rodízios também durante o verão no hemisfério Norte.

Obama apresentou no final de 2009 sua nova estratégia para o Afeganistão, que inclui o envio de 30 mil soldados, com a intenção de começar a retirada das tropas do país em julho de 2011.

Desde então, quase 25 mil militares receberam a notificação de que serão enviados ao Afeganistão. As tropas adicionais terão como missão conter a insurgência e garantir a segurança dos principais centros populacionais.

Atualmente, as forças internacionais no Afeganistão têm cerca de 100 mil soldados, dos quais 68 mil são americanos. EFE elv/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG