Pentágono admite morte de 33 civis em ataque militar no Afeganistão

Washington, 8 out (EFE).- Uma investigação efetuada pelo Pentágono concluiu que o ataque de militares contra insurgentes no Afeganistão, em 22 de agosto, resultou na morte de 33 civis.

EFE |

O número é maior do que o divulgado anteriormente pelos Estados Unidos. A investigação também revelou que 22 insurgentes morreram na operação.

O Exército americano insistiu durante muito tempo que o ataque aéreo tinha causado entre cinco e sete mortes de civis, e 30 de insurgentes.

Já o Afeganistão chegou a afirmar que havia 30 civis entre as vítimas fatais.

Dias depois da operação na província de Herat (leste), o general David McKiernan determinou que fosse iniciada uma nova investigação sobre o número de mortos.

A decisão foi motivada após a divulgação de um vídeo gravado com um telefone celular que mostrava corpos de mulheres e crianças entre as vítimas do ataque. EFE cai/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG