A justiça de Mianmar condenou a penas de 65 anos de prisão 23 opositores detidos ano passado durante as manifestações contra a junta militar que governa o país, informou o parente de um dos presos.

"No total, 23 ativistas foram condenados hoje na penitenciária de Insein. Foram condenados a 65 anos cada um", afirmou à AFP um familiar de um dos condenados que pediu para manter o anonimato.

Os ativistas foram condenados em uma audiência celebrada na penitenciária de Insein, na periferia de Yangun.

hla-dk/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.