Pelo menos 5 insurgentes morrem e 24 são detidos no sul de Bagdá

Bagdá, 5 mai (EFE).- Pelo menos cinco supostos insurgentes morreram e 24 foram detidos nas últimas 24 horas em operações do Exército dos Estados Unidos no bairro de Rachid, no sul de Bagdá, anunciou hoje o comando militar americano.

EFE |

Segundo um comunicado do Exército, as operações se desenvolveram depois que militares americanos e iraquianos foram atacados com armas leves e granadas por um grupo de dez "criminosos", enquanto realizavam a detenção de um criminoso.

Pelo menos cinco supostos rebeldes foram atingidos por um míssil Hellfire, depois que as tropas terrestres da coalizão receberam apoio aéreo, indica a nota.

Durante a operação, também detiveram 24 suspeitos e apreenderam três arsenais, incluíndo bombas para colocar na beira das estradas e explosivos antiblindados.

"Com a descoberta das bombas e a morte ou captura de criminosos perigosos, as forças da coalizão contribuem para tornar o distrito de Rashid mais seguro para todos", disse o porta-voz do Exército dos EUA, Dave Olson.

Antes, o comando militar americano tinha informado sobre a morte de outros cinco suspeitos, supostos membros da milícia Exército Mehdi do clérigo xiita Moqtada al-Sadr, em um bombardeio das forças dos EUA no bairro de Cidade de Sadr, no leste de Bagdá.

Cidade de Sadr é cenário há mais de um mês de confrontos entre as tropas iraquianas e americanas e o Exército Mehdi. EFE am/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG