Pelo menos 30 mortos em ofensiva militar no Paquistão

Islamabad, 10 abr (EFE).- Pelo menos 30 supostos insurgentes morreram hoje em uma ofensiva das forças de segurança paquistaneses em uma área conflituosa na região tribal na fronteira com o Afeganistão, informou à Agência Efe um porta-voz militar.

EFE |

"Entre 30 e 35 terroristas morreram por fogo de artilharia e da aviação militar contra esconderijos em uma via que conecta as regiões tribais de Orakzai e Khyber", detalhou a fonte.

O corpo da guarda de fronteiras combate há semanas grupos alinhados com a insurgência talibã nestas duas demarcações, ambas consideradas estratégicas.

Esta passagem, situado em Khyber, é utilizado por centenas de caminhões que transportam provisões às forças da Otan destacadas no Afeganistão.

O Exército paquistanês está envolvido em ofensivas antitalibãs em vários pontos do noroeste e em quase todas as demarcações da região tribal, um território instável que nunca esteve sob completo domínio do Estado.

Cerca de 1,3 milhão de civis estão refugiados por causa dos combates no Paquistão, informou hoje à Agência Efe Ariane Rummery, porta-voz no país do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur).

Deles, 210 mil pessoas fugiram de seus lares nas últimas semanas pelas ofensivas lançadas em Orakzai ou a vizinha Kurram. EFE igb/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG