Pelo menos 14 pessoas são presas em protesto no Chile contra visita de Uribe

Um protesto organizado em Santiago do lado de fora do palácio presidencial de La Moneda contra a visita do presidente colombiano Álvaro Uribe ao Chile terminou com pelo menos 14 pessoas detidas, informou nesta quarta-feira uma fonte policial.

AFP |

Uribe foi recebido na sede do governo chileno por uma manifestação que reuniu cerca de 50 pessoas, que se mobilizaram contra a decisão do governo colombiano de permitir a instalação de bases americanas em seu território.

O presidente colombiano chegou nesta quarta-feira ao Chile para se reunir com a presidente Michelle Bachelet, numa viagem por sete países da região destinada a explicar sua decisão, rejeitada por países como Brasil, Venezuela e Bolívia.

A polícia impediu que os manifestantes exibissem um cartaz e prendeu pelo menos 14 pessoas, indicou à AFP uma fonte policial.

pa/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG