Pelo menos 120 palestinos morreram neste sábado nos bombardeios da aviação de Israel na Faixa de Gaza, anunciou a rádio do Hamas, o movimento radical islâmico que controla o território.

Segundo a rádio, dos 120 mortos, 70 faleceram na cidade de Gaza e 50 em várias localidades e campos de refugiados do território.

Centenas de pessoas ficaram feridas na ação israelense, iniciada às 11H30 locais (7H30 de Brasília).

A aviação de Israel executou ataque em larga escala contra as instalações do grupo radical Hamas em Gaza.

Os aviões israelenses atacaram ao mesmo tempo pelo menos 30 instalações do Hamas na cidade de Gaza, informou à AFP uma fonte dos serviços de segurança palestinos.

O presidente palestino Mahmud Abbas condenou os ataques.

"O presidente palestino condena os ataques de Israel e pede à comunidade internacional que intervenha para acabar com os mesmos", disse à AFP o porta-voz de Abbas, Nabil Abu Rudeina.

sa-pa/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.