Pedófilos vão receber castração química na Grã-Bretanha

Pedófilos condenados na Grã-Bretanha receberão castração química por meio de uma iniciativa criada por uma universidade e que conta com financiamento do governo britânico.

BBC Brasil |

O projeto, do Instituto de Neurociência da Universidade de Newcastle, prevê oferecer medicamentos inibidores de libido a pedófilos voluntários que estejam cumprindo o fim de suas penas.

Segundo o Ministério da Saúde britânico, um pequeno número de agressores sexuais receberá o tratamento, que combinará remédios de efeito anti-depressivo e anti-libido.

Tais medicamentos podem reduzir os níveis de testosterona, o hormônio masculino, a níveis encontrados na pré-puberdade.

"Terapias psicológicas são o tratamento mais usado para homens que cometeram abusos sexuais. Para um pequeno número de indivíduos, no entanto, medicações na forma de anti-depressivos e inibidores de libido podem ser eficientes", disse um comunicado emitido pelo governo.

Para um porta-voz da organização britânica Lucy Faithful Foundation, em defesa das crianças, a iniciativa é bem-vinda, mas não muda a atitude dos agressores em relação a seu comportamento sexual.

"Os medicamentos não vão impedir que alguém que seja interessado sexualmente por crianças deixe de sê-lo", disse Donald Findlater à BBC.

    Leia tudo sobre: inglaterra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG