Washington, 15 jul (EFE).- Vários pedaços se desprenderam hoje do tanque externo do ônibus espacial Endeavour e pelo menos um deles atingiu a estrutura da nave, mas as autoridades da Nasa (agência espacial americana) asseguraram que não deve ser um problema sério.

O "Endeavour" partiu em uma missão de 16 dias à Estação Espacial Internacional (ISS) após cinco adiamentos por causa, primeiro, de problemas com esse mesmo tanque externo, e depois das más condições de tempo na região do Centro Espacial Kennedy, na Flórida.

Os pedaços soltos foram detectados poucos minutos depois do lançamento pelas câmeras do tanque externo.

Uma das primeiras operações que os astronautas da nave realizarão amanhã será revisar o escudo térmico e a estrutura da nave.

"Não consideramos que isso seja um problema", disse em coletiva de imprensa após o lançamento no Centro Espacial Kennedy, na Flórida, William Gerstenmeir, administrador adjunto para operações espaciais da Nasa.

Segundo ele, as marcas brancas mostradas nas imagens provavelmente são "danos na pintura, não fissuras profundas".

O incidente lembrou um episódio similar ocorrido durante o lançamento da nave "Columbia" em meados de janeiro de 2003.

A nave se desintegrou sobre o céu do Texas em 1º de fevereiro desse mesmo ano ao término de uma missão científica, uma tragédia que matou seus sete tripulantes. EFE ojl/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.