Patrulheiro japonês detecta dois navios chineses nas ilhas Senkaku

Tóquio, 8 dez (EFE).- Dois navios de inspeção chineses penetraram hoje águas próximas às ilhas Senkaku, administradas pelo Japão, um ato que as autoridades japonesas qualificaram de muito lamentável, informou a agência Kyodo.

EFE |

A Guarda Costeira do Japão informou que um de seus navios patrulha confirmou por volta das 8h10 locais (21h10 de ontem em Brasília) a presença dos navios chineses seis quilômetros ao sudeste das ilhas Senkaku.

O vice-ministro da Defesa do Japão, Kohei Massouda, disse que seu Ministério recebeu esta informação, mas que as Forças de Autodefesa Japonesas não vão adotar nenhuma reação específica sobre o assunto.

As ilhas japonesas de Senkaku, situadas 410 quilômetros ao oeste de Okinawa e 170 quilômetros ao nordeste de Taipé, são reivindicadas por Taiwan e China, onde são conhecidas como ilhas Diaoyu. EFE fab/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG