O partido governista do Zimbábue indicou neste sábado que desejava a realização o mais rapido possível do segundo turno da eleição presidencial entre o atual chefe de Estado, Robert Mugabe, e o líder da oposição Morgan Tsvangirai.

"Nós, a Zanu-PF (partido de Mugabe), estamos preparados para um segundo turno. Queremos que seja realizado o mais rápido possível para que possamos retornar a uma situação normal", declarou à AFP o ministro da Justiça e porta-voz do partido, Patrick Chinamasa.

fn-ip/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.