Partido do primeiro-ministro tailandês decide voltar a apresentá-lo ao cargo

Bangcoc, 9 set (EFE).- O governante Partido do Poder do Povo (PPP) decidiu hoje apresentar novo no Parlamento Samak Sundaravej para o cargo de primeiro-ministro da Tailândia, depois que o Tribunal Constitucional determinou o afastamento do chefe de Governo.

EFE |

Em reunião de urgência realizada após a notícia da decisão da alta magistratura, que declarou Sundaravej culpado de violar a Constituição, o PPP decidiu unir forças em apoio ao político.

A sentença considerou que, ao apresentar um programa culinário na televisão já sendo chefe do Executivo, Sundaravej descumpriu o capítulo 267 da Carta Magna, que proíbe os membros do Governo de trabalhar em empresa privada. EFE grc/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG