Nove ministros do partido de Nawaz Sharif apresentaram nesta terça-feira um pedido coletivo de demissão do governo do Paquistão, depois de uma divergência com o principal movimento da coalizão sobre a reintegração dos juízes destituídos pelo presidente Pervez Musharraf, informou a televisão estatal.

Os ministros apresentaram a renúncia ao primeiro-ministro paquistanês Yusuf Raza Gilani, acrescentou o canal.

O ex-premier Nawaz Sharif havia anunciado na segunda-feira que seu partido pretendia retirar nesta terça-feira seus ministros do gabinete paquistanês, mas prometeu que sua bancada manteria o apoio ao governo no Parlamento para a reintegração dos juízes afastados em novembro de 2007.

mmg/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.