Berlim, 30 ago (EFE).- O ultradireitista Partido Nacional Democrático (NPD), a principal força deste espectro da Alemanha, perdeu fôlego eleitoral nas eleições regionais realizadas hoje, em três estados federados, mas continuará como força parlamentar no Land da Saxônia, leste do país.

O partido obteve nas eleições 5,7%, contra 9,2% obtidos em 2004, de modo que de 12 deputados que tinha passará a sete, segundo os resultados ainda provisórios.

Com isso mantém a representação parlamentar nessa Câmara, junto com Mecklemburgo-Pomerânia Ocidental, e Brandeburgo, ambos no leste, outros dois estados do total de 16 da Alemanha em cujos Parlamentos regionais a extrema-direita tem cadeiras.

As pesquisas indicavam que o NPD ficaria abaixo dos 5% e, com isso, fora do novo Parlamento saxão.

A formação ultradireitista, com sete mil militantes, é o principal aglutinador dos neonazistas na Alemanha.

Os institutos afirmam que a legenda não tem possibilidade de entrar no Parlamento federal (Bundestag) nas eleições gerais de 27 de setembro. EFE gc/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.