Tóquio, 28 mai (EFE).- A Câmara Alta da Dieta (Parlamento) japonesa aprovou nesta quarta-feira (hora local), unanimemente, uma resolução que condena o teste nuclear da Coreia do Norte, depois que a Câmara Baixa aprovou ontem um texto similar, informou a agência Kyodo.

O Senado japonês, controlado pelo opositor Partido Democrático (PD), considerou que "os repetidos testes nucleares (da Coreia do Norte) apresentam um grave desafio ao regime internacional de não-proliferação".

A Câmara Alta assinalou também no texto aprovado que o recente teste norte-coreano dificulta "a erradicação das armas nucleares" e instou o regime comunista a se esforçar para conseguir a desnuclearização da península norte-coreana.

A Coreia do Norte efetuou nesta segunda-feira seu segundo teste nuclear, depois do realizado em outubro de 2006. O Conselho de Segurança da ONU respondeu esse mesmo dia com uma condenação unânime e o aviso de que avaliará uma nova resolução. EFE icr/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.