O Parlamento iraquiano vai votar na segunda-feira um mandato para que o governo assine acordos que permitam às tropas estrangeiras, exceto as americanas, permanecerem no Iraque depois de 31 de dezembro de 2008, indicaram neste domingo dois deputados iraquianos.

"O Parlamento iraquiano se pronunciará na manhã de segunda-feira sobre uma decisão que autorize o governo a assinar acordos com governos de países estrangeiros (exceto EUA), para fixar uma data de retirada que deverá ser antes de julho de 2009", declarou Ali Adib, vice-presidente da Aliança Unificada Iraquiana, o principal grupo parlamentar.

"O Parlamento votará amanhã para adotar uma decisão que dê autorização ao governo para resolver a presença de forças estrangeiras", confirmou à AFP Ahmed Nur, deputado da Aliança Curda, a segunda força parlamentar iraquiana.

sf-kat/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.