Parlamento iraniano decide sobre Governo de Ahmadinejad

Teerã, 3 set (EFE).- O Parlamento iraniano realizará hoje a sessão de voto de confiança do novo gabinete proposto pelo presidente Mahmoud Ahmadinejad, após três dias de longos e intensos debates.

EFE |

O ato, que surge como um teste da capacidade de manobra do governante, começou às 7h30 locais (meia-noite de Brasília), com o discurso dos dois últimos ministros, entre eles o candidato ao crucial Ministério do Petróleo, Massoud Mir-Kazemi.

Segundo fontes parlamentares, Mir-Kazemi será sabatinado pelos deputados, e muitos deles questionam sua experiência em um setor que sustenta praticamente sozinho a economia do país.

O Irã é o terceiro país mais rico do mundo em reservas provadas de gás e petróleo, mas tem uma indústria de refinado muito fraca, que o torna dependente do exterior.

O Ministério do Petróleo foi o responsável por muitos problemas no primeiro mandato de Ahmadinejad, que viu a Câmara rejeitar seus primeiros três candidatos.

De acordo a expectativa da imprensa local, entre quatro e seis candidatos poderiam ser rechaçados na sessão de hoje.

Nesse caso, Ahmadinejad terá um prazo de 15 dias para apresentar novos nomes. EFE jm-msh/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG