Parlamento grego aprova plano de austeridade

Atenas, 6 mai (EFE).- O Parlamento grego aprovou hoje, por maioria absoluta, o programa para reduzir o déficit fiscal nos próximos três, condição para que o país tenha acesso ao pacote de ajuda de 110 bilhões de euros patrocinado pelas nações da zona do euro e pelo Fundo Monetário Internacional (FMI).

EFE |

Atenas, 6 mai (EFE).- O Parlamento grego aprovou hoje, por maioria absoluta, o programa para reduzir o déficit fiscal nos próximos três, condição para que o país tenha acesso ao pacote de ajuda de 110 bilhões de euros patrocinado pelas nações da zona do euro e pelo Fundo Monetário Internacional (FMI). O programa de austeridade foi aprovado por 172 deputados, enquanto 121 votaram contra e três se abstiveram. Do total de 300 membros do Parlamento (unicameral), quatro faltaram a sessão. Entre outras medidas, o plano de economia, que busca cortes de 30 bilhões de euros em três anos, abrange duras reduções salariais e de aposentadorias, tanto no setor privado como no público, e vetará novas contratações de funcionários nos próximos três anos. A aprovação da legislação para obter a ajuda internacional já era dada como certa, já que o Movimento Socialista Pan-helênico (Pasok), com 160 deputados, tem maioria absoluta no Parlamento. EFE Afb/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG