Estrasburgo (França), 15 jan (EFE).- Os grupos políticos do Parlamento Europeu (PE) se uniram hoje para pedir a Israel e ao Hamas um cessar-fogo imediato e permanente que coloque fim à violência no Oriente Médio.

O plenário da Eurocâmara aprovou sem votos contra, mas com abstenção, uma resolução definida antes pelas principais forças, pedindo ao Hamas que coloque fim ao lançamento de mísseis e que Israel termine sua ação militar em Gaza.

O texto lembra que os confrontos das últimas semanas causaram cerca de mil mortes, muitas delas de crianças e mulheres palestinas, e expressa a dor da câmara pelo "sofrimento da população de Gaza e do sul de Israel".

Os eurodeputados "lamentam que, até o momento, tanto Israel quanto o Hamas não seguiram o pedido das Nações Unidas para pôr fim às hostilidades".

Além disso, pede às autoridades israelenses que permitam a entrada da assistência humanitária na Faixa de Gaza, garantam o trânsito das ajudas através do corredor de Rafah e que permitam o trabalho no terreno da imprensa internacional.

O PE considera que, com o objetivo de garantir uma paz duradoura, deve se proceder a retirada das tropas israelenses de Gaza, a reabertura dos postos fronteiriços, a suspensão dos bloqueios e a prevenção ao tráfico de armas e munição para Gaza.

Em paralelo, a resolução parlamentar reivindica um papel "mais forte e unido" da União Europeia no conflito, e pede aos Estados-membros que cooperem com a nova Administração americana para conseguir um acordo com base na criação de dois Estados. EFE mvs/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.