O Parlamento e as assembléias provinciais elegerão no dia 6 de setembro o sucessor do presidente paquistanês Pervez Musharraf, que renunciou esta semana, informou a Comissão Eleitoral.

"A eleição presidencial acontecerá em 6 de setembro. As candidaturas poderão ser apresentadas a partir de 26 agosto", declarou à imprensa o secretário-geral da comissão, Kanwar Dilshad.

O presidente será eleito em uma votação simultânea nas Câmaras Alta e Baixa do Parlamento e nas assembléias das quatro províncias.

O atual governo de coalizão induziu Musharraf a renunciar na segunda-feira, depois de ameraçar o presidente com um processo de impeachment.

Leia mais sobre: Paquistão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.