O Parlamento do Haiti votou neste sábado por unanimidade uma monção de censura contra o primeiro-ministro Jacques-Edouard Alexis, em meio à crise pelos altos preços da gasolina e dos alimentos.

O Congresso tomou a decisão minutos depois do presidente Rene Preval anunciar a redução do preço do arroz, base da alimentação dos haitianos, tentando deter a onda de protestos populares que ameaçam a estabilidade do governo.

cre-chv/fb/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.