Parlamento discutirá eliminação do Egito na Copa das Confederações

Cairo, 23 jun (EFE).- O comitê parlamentar da Juventude e Esportes foi convocado para debater a eliminação da seleção egípcia da Copa das Confederações, após uma derrota para os Estados Unidos por 3 a 0 no domingo.

EFE |

Fontes parlamentares asseguraram à Agência Efe que o presidente da Câmara, Ahmed Fathi Surur, ficou encarregado de convocar a reunião após a derrota para os EUA, que causou a eliminação do país do torneio.

A seleção do Egito era considerada a grande surpresa da Copa das Confederações na fase de grupos.

Na estreia pelo grupo B, os egípcios venderam caro a derrota para o Brasil por 4 a 3, conquistada somente com um gol de Kaká, de pênalti, nos acréscimos.

Na segunda rodada, o Egito venceu a poderosa Itália por 1 a 0, e ficou muito perto da classificação.

Com a vitória do Brasil por 3 a 0 sobre a Itália na última rodada, os egípcios podiam até perder por dois gols de diferença que garantiriam a classificação às semifinais do torneio.

A goleada para a seleção americana foi considerada no país como uma humilhação, e inclusive se estendeu o rumor de que cinco jogadores egípcios tinham passado a noite com prostitutas.

Esta notícia, que ocupa as primeiras páginas dos jornais do país, será um dos temas discutidos pela comissão parlamentar. EFE nq/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG