Parlamento da Coreia do Sul aprova envio de soldados ao Afeganistão

Seul, 25 fev (EFE).- O Parlamento sul-coreano aprovou hoje o plano do Governo de enviar até 350 soldados ao Afeganistão para proteger seus trabalhadores civis dedicados à reconstrução do país asiático, informou a agência sul-coreana Yonhap.

EFE |

O envio de tropas foi aprovado com 148 votos a favor, cinco contra e dez abstenções, graças à maioria do partido do Governo, o Grande Partido Nacional, (GPN), entre os 163 deputados presentes na Câmara.

As tropas sul-coreanas vão trabalhar na província de Parwan, a norte de Cabul, de julho deste ano até o final de 2012, com a missão de garantir a segurança de seus trabalhadores civis encarregados de projetos de reconstrução.

O envio de tropas sul-coreanas é visto com bons olhos pelos Estados Unidos, que comprometeram 30 mil soldados adicionais para reconstrução e pacificação do Afeganistão.

Em 2007 a Coreia do Sul retirou mais de duzentos militares que estavam no Afeganistão depois que 23 missionários sul-coreanos foram sequestrados e dois deles foram mortos.

Quando Seul anunciou sua intenção de voltar a enviar tropas, os talibãs advertiram sobre as "fatais consequências" de realizar um novo desdobramento. EFE ce/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG