O Parlamento argelino adotou nesta quarta-feira por uma ampla maioria um projeto de revisão da Constituição que abre as portas para um terceiro mandato do presidente Abdelaziz Buteflika.

O projeto foi aprovado por 500 votos a favor, 21 contra e oito abstenções.

A revisão da Constituição suprime em particular a limitação dos mandatos presidenciais consecutivos, que até agora estava fixada em dois.

Buteflika, de 71 anos, eleito em 1999 e reeleito em 2004, não mencionou em momento algum a possibilidade de concorrer nas próximas eleições presidenciais previstas para abril de 2009.

pyj/cn/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.