Parlamento afegão rejeita 75% dos ministros propostos por Karzai

O Parlamento afegão rejeitou neste sábado quase 75% dos ministros apresentados pelo presidente Hamid Karzai, mas aprovou as pastas da Defesa e do Interior, consideradas as mais importantes.

AFP |

Os deputados afegãos rejeitaram 17 dos 24 ministros sugeridos pelo chefe de Estado em meados de dezembro. Somente os ministros do Interior, da Defesa, da Educação, da Cultura, da Agricultura e da Indústria foram aprovados.

Assim, os ministros do Interior e da Defesa, que contam com o apoio dos países ocidentais, foram reconduzidos no cargo.

Reeleito no dia 2 de novembro ao término de uma votação afetada por graves irregularidades, Karzai demorou mais de um mês e meio para apresentar seu projeto de governo aos deputados.

Leia mais sobre: Paquistão

    Leia tudo sobre: hamid karzaiministropaquistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG