Parlamentares da Otan pedem aumento dos esforços no Afeganistão

Valência (Espanha), 18 nov (EFE).- Os parlamentares dos países da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) reivindicaram hoje a seus Governos que redobrem os esforços no Afeganistão, onde a Aliança Atlântica dirige a Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf).

EFE |

A Assembléia Parlamentar conclui hoje sua 54ª sessão anual, que acontece desde sexta-feira, em Valência (Espanha).

Os parlamentares consideram que os atuais meios mobilizados no Afeganistão são "insuficientes" e, por isso, pedem que os Estados-membros redobrem os esforços e que contribuam para a formação das forças de segurança nacionais afegãs.

Pedem também que sejam colocados à disposição do chefe da Isaf os recursos necessários.

Também reivindicam uma divisão mais eqüitativa da carga econômica representada pela missão da Otan, além de um esforço para ajudar esse país a se transformar em um verdadeiro Estado de direito e democrático, para o que consideram necessária a participação ativa do atual Governo afegão.

Os parlamentares solicitam também fazer da luta contra a corrupção e contra o tráfico de drogas as prioridades do país asiático. EFE sob-jmm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG