Paris confirma detenção na França de dois membros da ETA

A ministra francesa do Interior, Michèlle Alliot-Marie, confirmou a detenção, nesta sexta-feira à noite (hora local), na França, de dois membros da organização terrorista basca ETA, dos quais um seria responsável por seu aparato militar, Asier Eceiza Ayerra.

AFP |

A rádio nacional espanhola (RNE) anunciou as detenções, citando fontes da luta antiterrorista.

Segundo a RNE, Asier Eceiza era procurado, sobretudo, como "suposto adjunto" de Txeroki, o chefe do aparato militar do grupo ETA.

Expressando "sua satisfação", a ministra prestou "homenagem à reatividade dos gendarmes" e dirigiu "todas suas felicitações" aos que prenderam esse homem, acompanhado de uma mulher, que segundo a ministra também é "membro da organização terrorista basca ETA".

A mulher, cuja identidade não foi divulgada, seria, de acordo com a rádio, Olga Gómez Arambinez, integrante do comando "Vizcaya", recentemente desarticulado na Espanha.

O casal foi interpelado, por acaso, às 17h30 (12h30 de Brasília), perto de Dijon (centro), durante uma "operação de segurança da circulação", informou uma fonte próxima das investigações.

Os dois estavam em um veículo roubado, no qual foi encontrada uma arma, acrescentou uma outra fonte da investigação.

sm/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG