Parentes lembram os mais de 500 alemães mortos no tsunami

Berlim, 26 dez (EFE).- Centenas de parentes e amigos lembraram hoje, em uma cerimônia religiosa em Duesseldorf, no oeste da Alemanha, os 539 alemães mortos no tsunami que em 26 de dezembro de 2004 atingiu a costa do oceano índico.

EFE |

Na cerimônia, realizada na Johanneskirche, foram acesas velas em memória das vítimas e lidos os nomes dos alemães que estavam entre as 230 mil vítimas da catástrofe.

A cerimônia de Duesseldorf foi o ato central em memória das vítimas alemãs, no qual o pastor protestante Joachim Mueller-Lange pediu que se mantenha viva a lembrança e também a solidariedade com outras vítimas do tsunami.

Segundo dados do Departamento Federal de Investigações Criminais (BKA) da Alemanha, 13 cidadãos alemães ainda são considerados desaparecidos na tragédia. EFE gc/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG