Paraguai registra 8 mortes pela gripe

Assunção, 17 jul (EFE).- O número de mortos por causa da gripe suína subiu de seis para oito no Paraguai, de um total 164 contágios casos informados em Assunção e nos arredores, onde se concentra a epidemia, anunciaram hoje as autoridades de saúde.

EFE |

O diretor de Vigilância da Saúde paraguaio, Ivan Allende, disse, em entrevista coletiva, que as duas últimas mortes correspondem a um paciente do Instituto de Previdência Social (IPS) e a um adulto reportado pelo necrotério judicial.

"Temos 164 casos confirmados por resultados de laboratório que foram chegando nas últimas horas, 1,748 mil casos registrados como suspeitos, 40 descartados e, do grupo de pacientes que morreram por infecções respiratórias agudas, oito tiveram a confirmação do A (H1N1)", disse Allende.

O responsável de saúde disse que a área onde continua se concentrando a expansão "é Assunção e a área metropolitana", mas afirmou que foi detectada a presença do novo vírus em outras dez regiões, assim como na localidade de Filadelfia, com um caso.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE lb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG