Assunção, 23 jan (EFE).- O Governo do Paraguai realizará neste domingo seu segundo envio de voluntários, alimentos e remédios para os desabrigados pelo terremoto no Haiti, informaram hoje fontes oficiais em Assunção.

O enviou de cooperação, que será realizado na manhã deste domingo a Porto Príncipe, inclui três voluntários, 3 mil quilos de alimentos, 200 quilos de remédios e artigos de primeiros socorros, detalharam fontes da Secretaria de Emergência Nacional (Sen), que conta com categoria de Ministério.

No primeiro envio de ajuda ao Haiti, o Governo paraguaio realizou no dia 14 mais de 20 médicos, bombeiros e voluntários, assim como 5 toneladas de alimentos e cobertores.

O presidente do Paraguai, Fernando Lugo, detalhou após essa primeira colaboração que o Executivo instalou em Assunção um comitê de solidariedade permanente coordenado pela Sen para receber doações da população para novos envios ao país caribenho.

O terremoto de 7 graus na escala Richter que atingiu o Haiti ocorreu às 19h53 de Brasília do dia 12 de janeiro e teve epicentro a 15 quilômetros da capital, Porto Príncipe.

Pelo menos 21 brasileiros morreram na tragédia, sendo 18 militares e três civis, entre eles a médica Zilda Arns, fundadora e coordenadora da Pastoral da Criança, e Luiz Carlos da Costa, o segundo civil mais importante na hierarquia da ONU no Haiti. EFE rg/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.